segunda-feira, 22 de agosto de 2016

A Espiritualidade dos 10 Mandamentos é natural!

A espiritualidade dos 10 mandamentos é uma espiritualidade natural, pois o espírito que está em nós reage aos 10 mandamentos através da leitura ou ao ouvir os mandamentos. Assim, basta este contato "humano" e "natural" à maneira como vivemos tudo que acontece na vida para que nossa espiritualidade seja "tocada" e transformada pelos 10 mandamentos. A espiritualidade do Leão da montanha é diferente, por exemplo. Pois assim que ouvimos ou lemos algum dos princípios espirituais do "Sermão do Monte" de Jesus, ou de algumas de suas Bem-aventuranças, nosso espírito vai precisar de uma intervenção sobrenatural para reagir corretamente às orientações do Leão da Montanha. Isso não quer dizer que nosso espírito não vai ser tocado ou transformado pela leitura e contato com os ensinos do Sermão do monte. Não é isso. Pois nosso espírito é "tocado" por tudo que lemos, já que não lemos nada sem que o nosso espírito leia também. E ao ler o Sermão do monte nosso espírito também será transformado devido à origem espiritual transcendental do texto. Assim como a origem transcendente dos 10 mandamentos também garante uma reação e transformação de nosso espírito de maneira grave e eficaz, espiritualmente falando. Mas, a transformação realizada pelo "contato" humano de nossas pessoas com o Sermão do monte será frágil, pois não temos a capacidade nem de entender bem e, muito menos, de bem viver o que ali está descrito. Precisamos de uma ajuda sobrenatural junto aos textos do Leão da Montanha para que nosso espírito seja realmente abençoado. Já nos 10 mandamentos, isso não é tão necessário. Nosso espírito consegue aproveitar os 10 mandamentos quase em sua totalidade, pois eles foram enviados pra nós reconhecendo toda a nossa humanidade espiritual. Real, e frágil, também. Assim, sozinhos já conseguimos realizar uma transformação espiritual de nossas vidas quando lemos os 10 mandamentos. Por isso, os 10 mandamentos são bastante espirituais. Mandamentos de uma espiritualidade natural. Pensando: basta ouvir o mandamento que diz que NÃO devemos desejar apaixonadamente o que não nos pertence - mas pertence a outra pessoa; para resguardar nossa pessoa e espírito de experiências ruins. Pra nós e para os outros. Trata-se de uma boa orientação espiritual, que irá orientar nossa existência de forma positiva e satisfatória, realizando-nos como pessoas, espiritualmente falando. Isso porque vai nos livrar de correr atrás do vento e sempre querer o que não nos pertence, brigando com quem já está vivenciando o que desejamos, e, pra piorar, nos afasta de buscar aproveitar o que está perto ou possível de ser alcançado por nós. É melhor enviar nosso coração para quem e onde ele melhor pode viver. Portanto, não deseje o que não é seu... Até porque seu, mesmo, nada é, certo? Sabedoria! E vai por aí...

Nenhum comentário:

Postar um comentário